Key Message Update

Deterioration of food security due to crop losses and high prices of basic grains

Setembro 2019

Setembro 2019

La mayoría del país está en fase 1, con el corredor seco en fases 2 y 3.

Outubro 2019 - Janeiro 2020

La mayoría del país está en fase 1, con el corredor seco en fases 2 y 3.

Fases de Insegurança Alimentar Aguda baseadas em IPC v3.0

1: Minima
2: Stress
3+: Crise ou pior
Poderia ser pior sem a assistência
humanitária em vigor ou programad
A maneira de classificação que utiliza FEWS NET é compatível com a IPC. A análise compatível com a IPC segue os protocolos fundamentais da IPC mas não necessariamente reflete o consenso dos parceirosnacionais com respeito a segurança alimentar.
Para os países de Monitoreo Remoto, FEWS NET utiliza um contorno de cor no mapa IPC para representar a classificação mais alta da IPC nas áreas de preocupação.

Fases de Insegurança Alimentar Aguda baseadas em IPC v3.0

1: Minima
2: Stress
3: Crise
4: Emergência
5: Fome
Poderia ser pior sem a assistência humanitária em vigor ou programad
A maneira de classificação que utiliza FEWS NET é compatível com a IPC. A análise compatível com a IPC segue os protocolos fundamentais da IPC mas não necessariamente reflete o consenso dos parceirosnacionais com respeito a segurança alimentar.

Fases de Insegurança Alimentar Aguda baseadas em IPC v3.0

1: Minima
2: Stress
3+: Crise ou pior
Poderia ser pior sem a assistência
humanitária em vigor ou programad
A maneira de classificação que utiliza FEWS NET é compatível com a IPC. A análise compatível com a IPC segue os protocolos fundamentais da IPC mas não necessariamente reflete o consenso dos parceirosnacionais com respeito a segurança alimentar.
Para os países de Monitoreo Remoto, FEWS NET utiliza um contorno de cor no mapa IPC para representar a classificação mais alta da IPC nas áreas de preocupação.

Fases de Insegurança Alimentar Aguda baseadas em IPC v3.0

Países com presença:
1: Minima
2: Stress
3: Crise
4: Emergência
5: Fome
Países sem presença:
1: Minima
2: Stress
3+: Crise ou pior
Poderia ser pior sem a assistência
humanitária em vigor ou programad
Para os países de Monitoreo Remoto, FEWS NET utiliza um contorno de cor no mapa IPC para representar a classificação mais alta da IPC nas áreas de preocupação.

As mensagens-chave

  • The poorest households located in the eastern dry corridor failed to fill their reserves due to irregular weather that significantly damaged Primera crops. In the most arid areas of the West, households expect partial losses for the harvests that are taking place at the end of the year. Suppressed rainfall during the flowering and fruiting phase affected the growth of the plants, and consequently the yield.

  • Postrera sowing has started in the east and north of the country, favored by a second rainy season that has left enough moisture in the soil. However, given the losses of the Primera cycle, some poor households that lost their investment and seeds did not undertake agricultural activities during this second cycle.

  • The period of high demand for labor begins in October at the national level, with the coffee and sugarcane sector being the main activities. Other activities such as the cultivation of melon, vegetables, fruit trees, will remain in their average ranges; This will allow the poorest households, which have resorted to negative coping strategies such as atypical migration or increased sales of animals, to obtain income to acquire food during the upcoming months.

  • Crop losses among the poorest households will lead to premature market dependence, as well as the accelerated use of newly received income. The price of maize remains above average, and the poorest households in the dry corridor will remain in Crisis (IPC Phase 3), while those who were able to harvest will be classified in Stress (Phase 2, CIF) during the last months of this outlook.

About FEWS NET

A Rede de Sistemas de AlertaPrecoce de Fome é líder na provisão de alertas precoces e análises relativas à insegurança alimentar. Estabelecida em 1985 com o fim de auxiliar os responsáveis pela tomada de decisões a elaborar planos para crises humanitárias, a FEWS NET provê análises baseadas em evidências em cerca de 35 países. Entre os membros implementadores refere-se a NASA , NOAA, USDA e o USGS, assim como a Chemonics International Inc. e a Kimetrica. Leia mais sobre o nosso trabalho.

  • USAID Logo
  • USGS Logo
  • USDA Logo
  • NASA Logo
  • NOAA Logo
  • Kilometra Logo
  • Chemonics Logo